Conheça um dos Egressos de sucesso da Universidade Nilton Lins

Conheça um dos Egressos de sucesso da Universidade Nilton Lins

A Universidade Nilton Lins é uma das precursoras do curso de Jornalismo na cidade de Manaus. Ofertado há mais de 25 anos pela instituição, é considerado uma das graduações de referência entre jornalistas e comunicadores da capital amazonense. Entre os nomes que já passaram pela Nilton Lins temos o governador Wilson Lima, a jornalista, Luana Borba e o radialista Geraldo Campelo.

Geraldo Campelo fez parte da primeira turma de Comunicação Social da universidade, mas já atuava na área desde 1986. Começou sua carreira na rádio Cidade, passando por diversas rádios ao longo de sua carreira, estando atualmente na equipe do programa Cidade Urgente, da Band Amazonas e na rádio Difusora. Depois de anos, retornou à instituição para o curso de Direito, a fim de aperfeiçoar o seu ofício como jornalista.

Foi muito importante para o radialista a conquista dos diplomas de ambos os cursos. Além do âmbito profissional, Campelo guarda muitas lembranças e aprendizados que leva para a vida toda. De forma saudosa, ele comenta sobre seu tempo de estudante: “Eu, junto com a minha esposa, éramos estudantes na época e tínhamos um filho pequeno. Recordo de pedirmos licença dos nossos professores para que ela pudesse amamentar nosso filho em uma creche que a universidade proporcionava.”

O jornalista também fala sobre a sua volta à Universidade, depois de anos, para estudar Direito e o quanto o curso agregou valor maior a sua profissão, “Quando comecei a estudar Jornalismo, já trabalhava na rádio, então foi muito importante adquirir o diploma para me titular comunicador e melhorar as técnicas para o meu trabalho. E, ao longo dos anos, notei que com a falta de conhecimento das leis, não estava mais me sentindo apto para abranger autoridades, então fui em busca de mais conhecimento que pudesse complementar.”

Segundo Geraldo Campelo, o Jornalismo está em constante atualização e, a partir dos avanços da internet, ele diz que a área da comunicação está em processo de adequação, se recolocando no mercado de diversas maneiras. “Todos os segmentos mudaram e com a comunicação não foi diferente. Ela está em processo de adequação, de adaptação. Mas a internet está nos possibilitando diversos caminhos, como o som digital para a rádio, dando mais uma possibilidade de acesso, além de AM e FM, juntamente com o jornalismo online que chegou nessa era digital.”

Atualmente, um bom jornalista precisa ser multitarefas e se fazer presente em multiplataformas, fazer networking, saber falar diferentes idiomas, estar presente nas mídias digitais, investir em especializações, para que possa se permitir explorar variadas funções que vão desde redator de marketing de conteúdo até jornalista de dados, checador, freelancer e etc.

Com inovações e os avanços nas tecnologias e novas ferramentas no uso de produção de notícias na internet, a graduação de jornalismo da UNL vem se aperfeiçoando a cada ano, através de aulas dinâmicas e experiências práticas e teóricas que permitem ao estudante a ampliação da visão sobre a comunicação. Assim, o universitário de comunicação social da Nilton Lins percebe facilmente que seu trabalho não está somente nas redações, TV, rádio e jornal impresso. O mercado está exigente e é desafiador estar atualizado e, para isso, precisa encontrar as oportunidades de realizar trabalhos diferentes que o preparem para o formato da comunicação atual.

Autora: Giovanna Felix

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atendimento WhatsApp